Acupuntura Praça da Árvore

Acupuntura Praça da Árvore

Acupuntura é uma importante descoberta da nação chinesa que se originou no período da comunidade das tribos da sociedade primitiva. As atividades dos seres humanos apareceram na China há aproximadamente 1.700.000 anos. Foi há cerca de 100.000 anos que a China entrou no período de comunidade de tribos que durou até 4.000 anos atrás. Na literatura antiga, havia muitas lendas sobre a origem da Acupuntura e da Moxibustão.


Atendemos a região da Praça da Árvore e Avenida Paulista, oferecemos um ambiente amplo com sala para tratamentos com Acupuntura na Praça da Árvore, Eletroacupuntura, Ventosaterapia e Moxabustão.

NOVO ENDEREÇO : Avenida Paulista, 2073 - Conjunto Nacional - ao lado do metrô Consolação

Registro CRTO 3274 no SATOSP - Sindicato dos Acupunturistas e Terapeutas Orientais do Estado de São Paulo

Acupuntura na Praça da árvore

A acupuntura possui pontos locais específicos pelos quais o Qi dos órgãos Zang Fu e canais de energia é transportado à superfície do corpo. Os caracteres chineses "ale para um ponto de Acupuntura significa, respectivamente, "transporte" e "buraco". Na literatura médica das dinastias passadas, pontos de Acupuntura, os locais onde o tratamento de Acupuntura é aplicado, têm outras denominações como "ponto gr e "abertura". Pontos de Acupuntura não só são os trajetos para a circulação do Qi e do sangue, mas também o local de resposta para doenças. No tratamento de Acupuntura e de Moxibustão, as técnicas apropriadas são aplicadas nos pontos de Acupuntura para regular as atividades funcionais do corpo e fortalecer a resistência deste a fim de prevenir e tratar doenças. Profissionais de medicina de épocas passadas deixaram registros abundantes que descrevem as localizações e as indicações de pontos de Acupuntura e formularam uma teoria sistêmica.

AGENDE SUA AVALIAÇÃO

Contato Acupuntura praça da árvore(11) 97622-3982
Telefone Acupuntura praça da árvore(11) 3483-8826

Não aceitamos convênios

Dúvidas Frequentes Sobre Acupuntura Praça da Árvore

Na Clínica de acupuntura Praça da Árvore, faz exame de língua?

Sim, o diagnóstico através da língua é um método que aponta patologias através da observação de coloração e forma da própria língua e de sua saburra.

Segundo a teoria dos meridianos (canais e colaterais) e do aspecto dos órgãos internos na medicina chinesa, a comunicação entre a língua e os demais órgãos se dá basicamente através da distribuição dos canais principais, colaterais e tendíneos. Por exemplo, o meridiano do coração se distribui pela base da língua, enquanto o meridiano do baço se concentra também na base da língua, mas se ramifica por debaixo dela. Já o meridiano do rim percorre as duas laterais da língua, a partir de sua base, enquanto os meridianos do ligado se entrelaçam também à base da língua, etc.

Origem da acupuntura Chinesa?

A Acupuntura é o conjunto de conhecimentos teórico-empíricos da medicina chinesa tradicional que visa à terapia e à cura das doenças através da aplicação de agulhas e de moxa, além de outras técnicas.

Esta ciência surgiu na China em plena Idade da Pedra, isto é, há aproximadamente 4.500 anos. No entanto, apesar de sua antigüidade, continua evoluindo. Com o moderno avanço tecnológico, outros instrumentos e técnicas como o ultra-som, as radiações infravermelhas, o raio laser e outros equipamentos vieram enriquecer seus recursos fisioterápicos.

As recentes pesquisas científicas muito têm contribuído para uma maior compreensão da Acupuntura. Além dos conceitos já bem conhecidos, existem mecanismos neurológicos e neuroendocrinológicos; a Acupuntura tem provado ser eficaz em relação aos sistemas alérgico e imunológico. Como já foi dito, apesar de ser uma ciência antiga, continua sendo um campo aberto à pesquisa e a novos conhecimentos. Assim, ao longo dos anos, tem havido muita inovação relacionada com seus princípios, meridianos e pontos.

O que é a Medicina tradicional Chinesa?

Os conhecimentos da Acupuntura foram transmitidos de geração em geração. No entanto, a maior parte de sua terminologia não se enquadra dentro da nomenclatura moderna, o que restringe sua plena aceitação nos meios científicos.

As recentes pesquisas demonstram que as velhas fórmulas e princípios da Acupuntura não foram ainda superados. Desse modo, aqueles que a praticam devem compenetrar-se de sua importância, estudar profundamente seus ensi- namentos e diretrizes; somente assimilando-os, poderão contribuir para a evolução dessa antiga arte de curar.

De acordo com a medicina chinesa, o tratamento através da Acupuntura visa à normalização dos órgãos doentes por meio de um suporte funcional que exerce, assim, um efeito terapêutico.

Segundo a teoria da Acupuntura, todas as estruturas do organismo se encontram originalmente em equilíbrio pela atuação das energias Yin (negativas) e Yang (positivas). Por exemplo: pelo princípio de Yin e Yang podem-se explicar os fenômenos que ocorrem nos órgãos através dos conceitos de superficial e profundo, de excesso e deficiência, de calor e frio.

Qual o significado do Qi?

De acordo com o antigo pensamento chinês, o Qi era a substancia fundamental que constitui o universo. e todos os fenómenos foram produzidos pelas mudanças e movimento do Qi Este ponto de vista influenciou grandemente a teoria da Medicina Tradicional Chinesa. Falando, de modo geral, a palavra "QF em Medicina Tradicional Chinesa denota tanto a substancia essencial do corpo humano, que mantêm sua atividades vital, como a atividade funcional dos órgãos Zang Fu e tecidos. As substancias essenciais são a estrutura das atividades funcionais.

Neste sentido. o Qi ê demasiadamente rarefeito para ser visto e sua desistência é manifestada nas funções dos órgãos Zang Fu. Todas as atividades vitais do corpo humano são explicadas por mudanças e movimento do Qi

O Qi e suas funções.

O Qi age extensivamente no corpo humano, permeando todas as partes. Não há nenhum lugar que não tenha Qi, nem que o gi não possa penetrar. Se o movimento do 91 cessa as atividades vitais do corpo humano também cessarão. O Qi abundante é a base da boa saúde e fraqueza do Qi pode conduzir a doenças. Por isso, a declaração do Oitavo Problema do Classic on Medical Problemas diz: 'QI é a raiz do corpo humano: o tronco e as folhas secariam sem uma raiz'. O Qi, distribuído para várias partes do corpo, funciona caracteristicamente nos seguintes diferentes modos.

Acupuntura trata doença crônicas?

Nos caso de doenças agudas, onde estão presentes as reações mais fortes, a acupuntura tem um grande papel na diminuição do sofrimento e na rapidez da recuperação. Isto é muito impor- tante na área do esporte, por exemplo, onde a acupuntura tem excepcionais efeitos na regeneração de lesões, aumentando a velocidade de recuperação e minimizando a dor e o desconfor- to.

Efeito terapêutico dos pontos de acupuntura

As características do tratamento remoto dos pontos de acupuntura constituem uma lei principal, que é estabelecida com base na teoria dos canais de energia. Entre os quatorze pontos meridianos, os pontos meridianos localizados nos membros, especialmente nas articulações do cotovelo e joelho, não são eficazes apenas para distúrbios locais, mas também para os distúrbios dos tecidos das vísceras distantes durante o processo dos meridianos. Alguns têm propriedades terapêuticas sistêmicas semelhantes.

Por exemplo, Lieque P7 não pode apenas tratar doenças dos membros superiores, mas também doenças da cabeça, tórax, pulmão, garganta e doenças exógenas; Yanglingquan VB34 não é apenas eficaz para doenças dos membros inferiores, mas também para hipocondria, distúrbios biliares e mentais e anormais espasmos de tendão, etc., também têm efeitos curativos.

Qual a origem e significado da ACUPUNTURA ?

Acupuntura [Acu= (latim) agulha, puntura= (latim) furar] é uma técnica milenar desenvolvida na China que se utiliza da introdução de agulhas metálicas em pontos específicos do cor- po para harmonizá-lo e preservar ou devolver a saúde. Faz parte integrante da Medicina Tradicional Chinesa (MTC)

Basicamente a acupuntura é uma técnica terapêutica extrema- mente sofisticada que pode ser utilizada em vários tipos de tratamento, tanto com técnicas complementares quanto sozi- nha. Quase não tem efeitos colaterais e pode ser utilizado por qualquer tipo de pessoa.

A Acupuntura é uma técnica completa da Medicina Tradicional Chinesa e não precisa necessariamente ser utilizada em conjun- to com a medicina ocidental. Quando utilizada em conjunto com a medicina ocidental, pode auxiliar em vários tipos de tratamento médico potencializando os efeitos de medicamen- tos, eliminando dores, promovendo analgesia ou complementando técnicas como a fisioterapia.

Aplicações Acupuntura na Paulista?

A Acupuntura pode ser utilizada para a maioria dos pro- blemas de saúde, agindo de maneira direta no problema ou de maneira complementar a tratamentos já em andamento.

Lembremo-nos de que a Medicina Chinesa foi o único recurso de saúde da China por milhares de anos. Isto a capacitou a compreender e tratar um enorme leque de problemas e desequilíbrios. A OMS elaborou uma relação de tratamentos já devidamente comprovados pela ciência, o que demonstra que não se parte de mera especulação.

Os benefícios da acupuntura comprovados cientificamente são principalmente o alívio de dores de diversas naturezas, náusea resultante de quimioterapia, ansiedade, insônia, alergias, e pro- blemas digestivos como gastrite e respiratórios como bronqui- te. Mas existem outros milhares de benefícios que não tiveram comprovação oficial, embora funcionem perfeitamente.

A Acupuntura é fortemente indicada para doenças crônicas, aquelas que já estão instaladas há muito tempo e que sempre dão problema, que já se tornaram parte da vida das pessoas. Neste campo ela é extremamente eficiente, atuando no proble- ma sem medicamentos químicos ou intervenções cirúrgicas. Hoje é comum dentro da medicina ocidental se ministrar remédios de uso contínuo, muitas vezes por toda a vida.

Marcação da consulta e duração na Unidade da Avenida Paulista?

A consulta deve ser agendada com antecedência, como toda consulta de saúde. Uma sessão pode demorar de 40 minutos até uma hora, aproximadamente. Pode se prolongar um pouco mais, se o acupuntor julgar necessário.

Diagnóstico energético na acupuntura

Primeiramente o acupuntor executa a anamnese, ou seja, o di- agnóstico energético que vai dizer onde está o problema da pessoa. Existem muitas formas de se efetuar este diagnóstico, e normalmente o profissional utiliza vários deles. Tradicionalmen- te existem quatro métodos de diagnóstico: Inspeção, Audição e Olfação, Interpelação e Palpação

Como é a aplicação da acupuntura?

Estipulado o diagnóstico energético, o acupuntor seleciona os pontos a serem utilizados e o paciente deita na maca ou se senta em uma cadeira. O acupuntor passa então a colocar as agulhas. Geralmente a colocação das agulhas não dói, ape- nas passa uma sensação estranha quando a agulha penetra na pele e é manipulada. Em pessoas sensíveis uma pequena dor, totalmente suportável, pode ser sentida no momento em que a agulha entra na pele, mas ela desaparece logo em seguida. As pessoas tem medo de que a região fique doendo o tempo todo por causa da agulha, mas isto não acontece.

Depois de inserida, o acupuntor manipula a agulha para cima e para baixo ou em rotações para estimular o ponto e “encon- trar” a energia do meridiano. Isto em geral causa apenas um suave desconforto. As agulhas permanecem no corpo entre 20 minutos e meia hora. Depois são retiradas seguindo determina- dos procedimentos. No momento da retirada das agulhas pode haver algum sangramento, mas é coisa muito simples (apenas algumas gotas) e muitas vezes serve para o organismo expelir a energia estagnada. À vezes pode ser necessário efetuar uma sangria real, para expelir o sangue e a energia estagnados. As agulhas utilizadas são sempre descartáveis, tornando a apli- cação da acupuntura extremamente segura.

Antes da consulta da acupuntura o que fazer?

Procure não comer muito até duas horas antes, nem fique em jejum prolongado. • Não raspe nem escove a língua no dia da consulta. A observação da língua é um dos métodos de diagnóstico chineses. • Tente chegar no horário determinado ou pouco antes para evitar ansiedade e estresse. • Compareça com roupas folgadas para facilitar o atendimento. • Confie no acupuntor que irá atendê-lo.

O que fazer durante a consulta de acupuntura?

• Procure relaxar e não se preocupar com as agulhas. • Mantenha uma postura mental receptiva. A acupuntura não depende de crença, mas é comprovado que a aceitação da técnica amplia seus benefícios. • Evite se mover depois de colocadas as agulhas. Como as agulhas ficam posicionadas muitas vezes em grupos muscu- lares, o movimento pode tirar as agulhas de seu repouso e provocar dor. • Se estiver ansioso, respire lenta e profundamente algumas vezes.
Não fique perguntando o tempo todo o que o acupuntor está fazendo e por que, e nem tente dar “dicas” de diagnóstico ou de colocação das agulhas. O profissional sabe o que está fazendo e deve trabalhar sem distrações.

Recomendações depois da consulta de acupuntura

• Levante-se da maca lentamente ou espere alguns minutos depois de retiradas as agulhas. Nunca se levante brusca- mente, pois o corpo que esteve relaxado durante tanto tempo irá se contrair e pode haver um problema muscular ou na coluna. • Evite tomar banho logo depois da consulta, especialmente banho frio. Isto diminui os benefícios da acupuntura e podem causar problemas de saúde. • Evite dirigir um veículo por muito tempo ou por um percurso muito longo. A acupuntura pode causar sonolência pelo relaxamento obtido e isto pode diminuir seus reflexos. Guie com cuidado. • Siga todas as recomendações de seu acupuntor nas atividades diárias. • Retorne no tempo devido para uma nova sessão e não abandone o tratamento até sua completa recuperação. Muitas pessoas largam o tratamento assim que se livram da dor ou de algum incômodo superficial. Apenas o seu acupuntor pode lhe dispensar do tratamento quando julgar adequado.

Propriedades Terapêuticas Distantes dos Pontos


As características terapêuticas de estar longe dos pontos de acupuntura constituem a principal lei baseada na teoria dos canais de energia. Entre os quatorze pontos meridianos, os pontos meridianos localizados nos membros, especialmente nas articulações do cotovelo e joelho, não são eficazes apenas para distúrbios locais, mas também para os distúrbios dos tecidos das vísceras distantes durante o processo dos meridianos. Alguns têm propriedades terapêuticas sistêmicas semelhantes. Por exemplo, Liege (P7) não pode apenas tratar doenças dos membros superiores, mas também tratar doenças de cabeça, tórax, pulmão, garganta e exógenas; Yanglingguan (VB34) não é apenas eficaz para doenças dos membros inferiores, mas também é eficaz para doenças dos membros inferiores, fígado, distúrbios mentais e anormalidades dos tendões, como espasmos e convulsões, também são eficazes.

Propriedades dos pontos


As propriedades terapéuticas dos pontos dos quatorze canais de energia são generalizadas com base no princípio que o curso de um canal de energia é receptivo ao tratamento. Cada um dos pontos tem sua própria característica terapêutica devido a sua localização particular e seu canal de energia pertinente. Porém, de modo geral. todos os pontos podem ser usados para tratar distúrbios das áreas onde estão localizados e aqueles adjacentes à localização deles. Estes são, respectivamente, conhecidos como os pontos locais e adjacentes com propriedades terapêuticas. Além disso, alguns dos pontos podem ser usados para tratar distúrbios das áreas distantes de onde estão localizados. Estes são conhecidos como pontos distantes ou distais com propriedades terapêuticas.

AGENDE SUA AVALIAÇÃO DE ACUPUNTURA NA PRAÇA DA ÁRVORE, AGORA MESMO!

Preceitos da Acupuntura na Praça da Árvore


A acupuntura é a principal vertente da Medicina Tradicional Chinesa(MTC), quer seja por ser o recurso mais amplamente buscado pelos usuários em todo o mundo, quer seja pelos avanços em pesquisas científicas, legislação profissional e estruturação do ensino em diversos países. Uma ciência que nasceu em berço chinês, documentada historicamente pelo livro Huang Di Nei Jing no ano 400 a.C.

A acupuntura clássica chinesa, também conhecida no Brasil, pela nomenclatura de acupuntura sistêmica, é, sem dúvida, o principal pilar da MTC. E ́ constituída pela pratica da inserção de agulhas filiformes ao longo do corpo em pontos específicos denominados acupontos. Utiliza-se de diagnóstico energético do pulso, língua, palpação, entre outros, na escolha da composição dos acupontos a serem utilizados para o tratamento bem como de outros recursos complementares (moxabustão, ventosaterapia e sangrias).

A acupuntura constitucional, independente da sintomatologia


A acupuntura constitucional, independente da sintomatologia complexa, equilibrando o órgão de choque etiopatogênico de cada biotipo, recupera as alterações patológicas como faz a “Homeopatia Unicista"; sem tratamento sintomático da doença, com efeitos mais eficazes que outras condutas em acupuntura.

Equilibrando o órgão de choque etiopatogênico de cada biotipo, obtém-se o equilíbrio do sistema neuro-humoral, incluindo a função da Endorfina, Acetilcolina, Encefalina, Catecolaminas, Serotonina, etc. Assim sendo, têm-se observado ótimos resultados em clínica de dor incluindo Lombalgia, Lombociatalgia, Fibrositc, Tendinite, Artrite, Enxaqueca, Polineurite, Distrofia simpática reflexa, Dor talámica, etc.

Agindo no órgão de choque etiopatogênico , restaura a Homeostasia funcional dos órgãos internos equilibrando o sistema nervoso vegetativo; assim sendo, têm-se obtidos bons resultados em toda patologia funcional de clínica médica e sintomatologia psicossornática

A acupuntura constitucional equilibra o indivíduo emocional e psiquicamente, tratando assim depressão, ansiedade, tensão nervosa, angústia, neurastenia, etc.

O conteúdo do texto "Acupuntura Praça da Árvore" é de direito reservado. Sua reprodução, parcial ou total, mesmo citando nossos links, é proibida sem a autorização do autor. Crime de violação de direito autoral – artigo 184 do Código Penal – Lei 9610/98 - Lei de direitos autorais.